Connect with us

destaque

Gladson crítica manifestação e se diz pronto para conversar com Lula

Published

on

O governador reeleito do Acre,  Galdson Cameli (PP), criticou os atos de protestos de aliados do presidente Jair Bolsonaro, e se mostrou disposto a conversar com o presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva.

“É preciso ter bem claro que todos têm o direito de se manifestar. Porém, essa manifestação tem que ser pacífica e ordeira, sem atrapalhar a vida do cidadão. Nosso estado não pode correr o risco de desabastecimento, ainda mais de produtos e serviços essenciais”, disse o governador em declarações ao site.

Sobre a relação com o presidente eleito, Lula, Gladson afirmou: “Estou preparado para ir conversar como governador de todos os acreanos. A eleição já passou, as siglas partidárias têm que estar em segundo plano”. E seguiu: “ No Acre, temos municípios governados pelo Partido dos Trabalhadores. E a maioria deles me apoiou para a reeleição, num sinal de que é possível colocar o bem-estar das pessoas, em primeiro lugar”, e continuou: “ Lula dá um recado claro de que quer pacificar o país, quando escolheu Geraldo Alckmin, um ex-adversário, como vice”. E finalizou: “De nossa parte, vamos continuar trabalhando e colocando as pessoas em primeiro lugar”.

Advertisement