Connect with us

destaque

Rio Branco promove Carnaval inclusivo para idosos e crianças com ‘Folia, Tradição e Alegria’

Published

on

A Prefeitura de Rio Branco, em colaboração com a Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (SASDH), organiza um evento de Carnaval destinado a idosos e crianças, denominado “Rio Branco Folia, Tradição e Alegria”. Este evento terá momentos dedicados especialmente a esses grupos no domingo (11) e na terça-feira (13), começando às 16h. O ponto de encontro para os idosos será em frente ao Banco Santander, de onde seguirão até o Coreto da Praça da Revolução para participar de várias atividades carnavalescas.

Suellen Araújo, secretária da SASDH, enfatiza o objetivo do evento de reviver a forma como os idosos costumavam participar do Carnaval e o papel importante que desempenharam na história dessa celebração. Os oito grupos de fortalecimento de vínculos, que estão localizados em diferentes regiões da cidade, incluindo o Centro do Idoso no bairro Calafate, serão parte ativa do evento. Araújo convida toda a comunidade a participar: “A comunidade de um modo geral está convidada, então todos os idosos, todas as crianças que queiram participar com a gente do nosso carnaval de Tradição e Alegria está convidado para estar com a gente”.

Advertisement

Para facilitar a participação de todos, haverá transporte disponível para os grupos de idosos até o local do evento, além de um lanche reforçado para que possam desfrutar do evento ao máximo. O “Rio Branco Folia, Tradição e Alegria” busca oferecer momentos de diversão e inclusão para pessoas de todas as idades em Rio Branco. Além disso, a SASDH pretende promover diversas políticas de inclusão durante as cinco noites de festa na praça.

A gestora expressa seu entusiasmo com os preparativos para o evento, mencionando a seleção de marchinhas e músicas voltadas para os idosos, bem como brinquedos e atividades planejadas especificamente para as crianças. “A gente tem a parceria da Secretaria de Educação, a FGB junto nesse processo. Então, de forma geral é a gestão municipal promovendo o carnaval para eles”, conclui Araújo.

Advertisement