Connect with us

destaque

Serão mais de 2400 casas para o Acre no Novo Minha Casa, Minha Vida

Published

on

O Governo Federal, sob a liderança do presidente Lula, destinou mais de 2.400 casas para o estado do Acre, como parte do programa Novo Minha Casa, Minha Vida (MCMV) na Faixa 1. Essas habitações estão voltadas para famílias com renda mensal de até 2 salários mínimos (R$ 2.640 em valores atuais) e serão distribuídas entre três municípios da região.

A capital, Rio Branco, será a principal beneficiada, com 2.232 unidades habitacionais. Os municípios adicionais contemplados são Cruzeiro do Sul e Xapuri, cada um recebendo 100 novas moradias. A relação completa está disponível no Diário Oficial da União (DOU).

As propostas, submetidas à Caixa em 2023 e selecionadas pelo Ministério das Cidades, seguiram as novas diretrizes estabelecidas após a retomada do MCMV. Os critérios incluíram considerações como proximidade dos centros urbanos, melhorias nas especificações dos imóveis, infraestrutura de qualidade, presença de varanda, salas para biblioteca, entre outros. Os projetos foram apresentados pelos governos estaduais, prefeituras e construtoras.

Parte das casas, na capital, serão executadas pela Prefeitura de Rio Branco. No 5° Congresso Brasileiro de Habitação Social, prefeito de Rio Branco Tião Bocalom anunciou a publicação no Diário Oficial da União da proposta aprovada pelo Governo Federal e pela Caixa Econômica Federal, que contempla a inclusão de Rio Branco no Programa “Minha Casa, Minha Vida”, visando a construção de  816 novas unidades habitacionais.

Advertisement