Connect with us

destaque

Prefeitura de Cruzeiro do Sul renova apoio a instituições sociais

Published

on

Na manhã de quinta-feira, 21, a Prefeitura de Cruzeiro do Sul celebrou a renovação de convênios com 11 instituições sociais locais, garantindo a continuidade de uma parceria que, segundo o prefeito Zequinha Lima, representa um investimento anual de quase R$ 900 mil em recursos próprios, além de convênios federais que somam cerca de R$ 435 mil. O evento de assinatura ocorreu no Lar Vicentino, com a presença de representantes das instituições beneficiadas.

“Estamos dando prosseguimento a esta colaboração, a este investimento que nós fazemos, às instituições. São 11 instituições que a gente colabora, que investe com recurso próprio, isso chega a um montante de quase R$ 900 mil por ano, mais ainda os convênios federais que chegam a uma cifra de R$ 435 mil,” explicou Lima durante o encontro.

Delcimar Leite, Secretária da área, enfatizou a necessidade desses convênios para o funcionamento eficaz das instituições. Segundo ela, a visita e o monitoramento das atividades confirmam a essencialidade do suporte financeiro proporcionado pelos acordos: “Estamos dentro das instituições visitando, e sem esse convênio, as ações não funcionam. É de muita, muita importância”.

Marcos Lima Fernandes, representando o Centro Social Missão Família, destacou como esses recursos são cruciais para a operação diária das entidades, incluindo o pagamento de contas básicas e a manutenção da qualidade dos serviços oferecidos: “Com esse convênio a gente paga luz, água, toda a manutenção da instituição. Sem esse convênio a instituição não consegue dar um bom alimento para uma criança, dar um bom local.”

Advertisement

Para Zequinha, “é um trabalho que as instituições fazem e é onde a gente não conseguiria chegar. Eles são peritos nisso, eles já têm experiência, já têm conhecimento, já sabem como lidar caso a caso dentro das suas instituições. Nada melhor do que então, mais uma vez, pelo quarto ano, nós estarmos celebrando esses convênios aqui para que as instituições possam prosseguir o seu trabalho aqui na nossa cidade.”