Connect with us

Empreender

Jovem escritor e observador de aves lança livro para promover a preservação das aves no Acre

Published

on

Rodrigo Pádula, um observador de aves de 12 anos, lançou o livro “Aves do Condomínio Chácara Ipê” com o objetivo de conscientizar sobre a importância da preservação das aves. O livro, que identifica 100 espécies de aves, contou com a colaboração do doutor Edson Guilherme da Silva, professor da Universidade Federal do Acre e especialista em ornitologia.

Rodrigo, que pratica observação de aves na Chácara Ipê, descreve a morfologia das aves como seu principal interesse. Seu talento e dedicação chamaram a atenção do governador do Acre, Gladson Cameli, que o apoiou em sua participação no evento Avistar Brasil, um encontro de observadores de aves que acontece em São Paulo.

Advertisement

A prática de observação de aves, ou birdwatching, tem crescido no Acre, tornando o estado uma referência no assunto. Segundo o professor Edson Guilherme, o Acre possui uma infraestrutura adequada para receber observadores de aves de todo o Brasil e do exterior, com aproximadamente 720 espécies de aves registradas, mais de 50% do total encontrado na Amazônia brasileira.

O evento Avistar Brasil, que ocorre na Cidade Universitária USP, tem como um dos representantes a Secretaria de Estado de Turismo e Empreendedorismo do Acre, cujo titular, Marcelo Messias, destacou a importância da participação para a capacitação de equipe e o fortalecimento do turismo de observação de aves na região.

Além de Rodrigo, outros observadores como o biólogo Ricardo Plácido contribuem para o enriquecimento do conhecimento sobre aves no estado. Plácido, que mora no Acre há 13 anos, destacou-se por registrar espécies raras e pouco conhecidas, ajudando a tornar o Acre um importante centro para a observação de aves.

Advertisement

As unidades de conservação no Acre, como o Parque Nacional da Serra do Divisor e o Parque Estadual Chandless, desempenham um papel crucial na preservação das aves e na promoção do ecoturismo, apresentando uma rica biodiversidade que atrai observadores e pesquisadores de diversas partes do mundo.

Fonte: Agência de Notícias do Acre / Foto: Alice Leão/Sete

Advertisement
Continue Reading
Advertisement