Connect with us

destaque

Em sua terceira noite, Festival da Macaxeira reúne famílias com música, gastronomia e competições

Published

on

O Festival da Macaxeira atraiu um grande público na Praça da Revolução, com a participação do trio Furacão do Forró e uma variedade de atividades para as famílias. A noite contou com muita música, comida e competições, destacando-se como um evento de integração comunitária.

Famílias se divertiram e movimentaram a praça de alimentação, que oferecia uma variedade de pratos da culinária acreana. Um dos locais mais populares foi a Casa de Farinha, onde muitos produtos derivados da macaxeira esgotaram rapidamente, para a satisfação do senhor Leandro Medeiros, proprietário da Casa de Farinha.

“O ‘pé de moleque’, que é um bolo feito com macaxeira, foi o mais procurado e já acabou. Trouxemos bastante, mas foi insuficiente. Amanhã estaremos com mais. Hoje temos tapioca de cocada de castanha, caldo de cana, goma e farinha para fazer farofa amanhã de manhã”, disse o agricultor, Leandro Medeiros.

O Pastor Jobson Farias, da Igreja Batista Moriá, destacou que, quando o poder público apoia, quem ganha é a população. Ele anunciou que neste sábado a feira contará com a presença do artista gospel, Pastor Antônio Cirilo, encerrando o festival com uma noite gospel.

“A gestão está de parabéns. Estou aqui desde a primeira noite e tenho visto a resposta da comunidade. Todos os pequenos empresários e pequenos empreendedores estão satisfeitos. Neste sábado, teremos a participação do Pastor Antônio Cirilo, que vai abrilhantar o nosso evento com a participação de todas as igrejas”, explicou.

A terceira noite do festival foi marcada pela competição da maior macaxeira. A vencedora, do Projeto Liberdade na BR-364, mediu 2 metros e 31 centímetros. O dono da maior macaxeira, José Feira dos Santos, recebeu um prêmio de R$ 5.000,00. O segundo colocado, Gilberto Souza, ganhou R$ 3.000,00, e o terceiro, José Severino, recebeu R$ 2.000,00.

“Foi muito gratificante porque nem eu estava acreditando que ia ganhar. Mas graças a Deus, consegui”, disse o vencedor.

Além disso, houve premiação para os melhores tocadores de berrante. Yan Matheus foi premiado com R$ 5.000,00, e Lohana Martins também recebeu R$ 5.000,00 por sua performance.

“Eu comecei a tocar berrante aos 8 anos de idade, toquei até os 15. Fiquei sabendo do festival, treinei essa semana e vim”, disse Yan.

“Minha trajetória com o berrante começou em 2022 enquanto me preparava para participar do Concurso Rainha da Expo Acre, onde levei o título de princesa do rodeio. Em 2023, aperfeiçoei meu berrante, aprendi o repique e ganhei o título de rainha do rodeio da Expo Acre. Este ano, concorri em Barretos e voltei como Miss Beleza Country Brasil 2024”, destacou Lohana.